MAPEAMENTO DE PROCESSOS: UMA PROPOSTA PARA A GESTÃO DO CONHECIMENTO NA ESCOLA SUPERIOR DA MAGISTRATURA DO ESTADO DE ALAGOAS

Mirian Ferreira Alves

Resumo


As organizações têm se preocupado cada vez mais com o conhecimento tácito e com a gestão desse ativo intangível, considerado um diferencial competitivo. Neste sentido, o presente estudo se propõe a desenvolver uma proposta para implantar a Gestão do Conhecimento na Escola Superior da Magistratura do Estado de Alagoas, baseada no mapeamento de processos, de modo a preservar e reter o conhecimento dos seus colaboradores, convertendo-o em conhecimento explícito. A proposta resultante da pesquisa integra conceitos de gestão do conhecimento e mapeamento de processos e define procedimentos para o mapeamento de processos no âmbito da Esmal. A implementação da proposta permitirá converter o conhecimento tácito individual em conhecimento explícito e organizacional.


Palavras-chave


Gestão do Conhecimento. Processos de trabalho. Administração Judiciária.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Indexada em:

 

 

 

 

Obra licenciada sob CreativeCommons: Atribuição; Uso Não-Comercial; Não a obras derivadas.

https://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/3.0/br/